sábado, 8 de julho de 2017

Capitalismo e Religião

  O uso inicial do termo capitalismo em seu sentido moderno foi atribuída a Louis Blanc, em 1850, e Pierre-Joseph Proudhon, em 1861.
  Marx e Engels foram os primeiros a referirem ao sistema capitalista e ao modo de produção capitalista em Das Kapital (1867).
 O uso da palavra"capitalismo" em referência a um sistema econômico aparece duas vezes no Volume I de O Capital, p. 124

  O Sistema Capitalista não se opõe a religiões de certo modo é até permissivo com elas.
  Sociedades Capitalistas ainda mantém a tradição de dar algum privilegio as igrejas (redução de impostos), mas acredito que logo essa tradição será quebrada.

   Por outro lado ateísmo e o Comunismo sempre estiveram muito ligados.
  
  Vejam o ateísmo em ação:

  Na Coréia do Norte eram 3.800 igrejas antes do COMUNISMO.
  O regime destruiu as igrejas uma por uma, matou pastores um por um e se livrou dos cristãos.
  Em 1958, já não havia mais nenhuma igreja.

Tempos depois:

“Coreia do Norte enfrenta acusações de canibalismo devido à fome no país.
  Em um dos casos, um senhor desenterrou o próprio neto e canibalizou o corpo da criança para não morrer de fome.
  Uma terceira pessoa, “enlouquecida pela fome”, diz o jornal, ferveu o próprio filho para se alimentar.”



-------------------------------------------------------------------